Pessoas Desaparecidas
Mural de recados

Use este mural de recados público para ajudar na sua busca por aquela pessoa especial que há tempos você não encontra. Este é um serviço gratuito.

Como funciona: O mural funciona como um anúncio permanente, na Internet. Você faz aqui o seu anúncio, informando quem está procurando. Um dia, quando a pessoa desaparecida digitar o próprio nome no Google, pode ser que ela encontre este mural e leia o seu recado. Não é garantido que aconteça, mas é uma possibilidade.

Veja a lista de pessoas já encontradas com a ajuda deste mural.

Como usar: Preencha os campos abaixo e aperte o botão Enviar, que então seu recado será registrado neste mural e ficará disponível na Internet.

Dicas:

  • Muita atenção ao preencher o endereço de e-mail, não erre nenhuma letra. Se o e-mail for digitado errado a pessoa desaparecida não vai conseguir entrar em contato.
  • No seu recado, forneça dados sobre a pessoa desaparecida: nome completo, apelido, cidade natal, nome de parentes, última vez que foi vista. Assim, caso ela leia seu recado, não terá dúvidas de que é ela mesma a pessoa procurada.

Segurança:

  • Não informe dados pessoais, como o endereço de sua casa ou seu número de telefone.
  • Se precisar apagar o recado, entre em contato.
  • Lembre-se que uma pessoa mal intencionada pode entrar em contato dizendo ser a pessoa desaparecida. Muito cuidado na hora deste possível reencontro. Escolha um local público, e na dúvida, peça auxílio à polícia.

AVISO IMPORTANTE: Este é um serviço público informal, que não possui controle de acesso nem cadastro de usuários. Qualquer pessoa é livre para deixar seu recado aqui, sem a necessidade de comprovação de identidade. Por esta natureza, é impossível atestar a veracidade de conteúdo dos recados, ou sua autoria. Também é impossível garantir as boas intenções de quem os enviou. Na dúvida, desconfie. Preserve a sua segurança acima de tudo. O autor deste site não se responsabiliza pelas informações dos recados nem por seu uso pelos visitantes.

Leave a Reply to Luiz Gustavo Gabriel Oliveira Cancelar resposta

Dados de contato:

Seu recado:

SEGURANÇA: Não coloque seu endereço nem telefone!

CONFIRA TODOS OS DADOS ANTES DE ENVIAR.

Confira o e-mail, é por ele que as pessoas entrarão em contato.

5.597 recados

  1. José Leoncio Miranda (Serra - ES)

    Procuro vauza ela foi levada por uma família. Morava no bairro rua nova em aimores Minas. Na época ela era muito pequena branca a mãe loira .acho que foi levada de trem no sentido Belo Horizonte MG. Acho que o nome dela foi trocado. Mãe biológica é Maria Avancini, avô Luzia mandar Vasconcelos. Quando levaram ela talvez tinha uns 5 anos.se alguém souber de alguém que nasceu em aimores Minas , nessa característica agradeço em procurar.

  2. Andrea de Oliveira (45 - PR)

    Queria muito saber a onde minha avó foi enterrada no cemitério de Curitiba Paraná mas não sei qual cemitério acho que ela faleceu entre o ano de 80a 90 o nome dela é Lídia Maria Francisca de Oliveira por favor me ajudem não sei mais informações sobre ela desde meus 10 anos de idade nunca mais a vi a saudades e tantas quê doi muito de nunca ter ido no seu túmulo visitala me ajudem por favor realize meu desespero

  3. SUELI DOS SANTOS (Piraquara - PR)

    Gente meu nome é José Luiz dos Santos Damaceno, procuro minha irmã que foi dada pela minha mãe na década de 70 no interior do Paraná , Barbosa Ferraz. Como ela não tinha registro. A família com certeza mudou o nome. Era para ser Edna. Foi adotada por Sérgio Puliti. Mas não conseguimos encontrá-lo. Se alguém souber de algo.nome da mãe. Maria Margarida dos Santos

  4. Maria Izabel De Souza (MARINGÁ - PR)

    Procuro por faliares de meu pai Antonio Antonino de Souza, seu pai era Antonio Luiz de Souza e sua mãe Galdina Felix de Souza. De Pacajus Ceará.

  5. debora helena freitas. (rio de janeiro - RJ)

    procuro minha tia. chama-se debora cristina freitas ferreira irma de meu pai braulino de souza freitas onde nao o conheci pois minha mae me levou embora de perto deke e nunca quisme dar noticias sobre seu paradeiro,mas fui registrada por ele,meus avos paternos chama-se marieta de souza freitas e pedro de souza freitas data de nascido do meu pai 04-02-1946 so o que sei ate entao e que trabalhor na empresa odebrech em santa cruz rio de janeiro. sei tbm que ele me deu esse nome por causa da irma minha tia que ele tanto amava.

  6. Alvinho Cordeiro Sameshima (São Paulo - SP)

    Procuro por familiares de Alvinha Cordeiro dos Santos,
    filha de João dos Santos Mello e Rosalina Cordeiro dos Santos, meu nome é Alvinho Cordeiro Sameshima filho de Alvinha (acima) falecida no parto em 1962 quando deu a luz a mim na cidade de Santos – SP.
    Nunca soube nada sobre minha mãe e sobre sua família,
    gostaria muito de conhecer os familiares.
    Agradeço a atenção, se alguém conhecer a família por favor entre em contato por favor.

  7. Maria Izabel (recife - RR)

    Me chamo Maria Izabel (infelizmente não sei meu sobrenome verdadeiro), estou a procura de minha família verdadeira, minha mãe se chama Maria de Lurdes, meu pai de chama Manoel, tenho 5 irmãos, 6 comigo, do qual seus nomes são: Luciano, Luciana, Luciene, Alexsander e a última é Lucicleide (era a última até então). Me lembro de morar em Recife-PE, ou em algum lugar próximo(interior) saí de casa em 1985 no mês de abril, não tínhamos casa fixa, porém em algum lugar próximo ao mar, Qualquer informação me manda por email:darlamedeiros346@gmail.com
    Desde já, agradeço.

  8. Danielly C. (Ouro Preto - MG)

    Procuro por: MARIA LUZIA DOS REIS (nome de solteira) é natural de Ouro Preto/MG, filha de Sebastião Reis Lopes Cezilo e Efigênia Polonia Cezilo. Nascida em 07/01/1954.
    Em 12/06/1971 casou-se com José Alves Viana Filho (falecido) e passou a assinar o nome de casada, MARIA LUZIA VIANA.
    Está desaparecida há cerca de 50 anos e o filho procura por ela. Quaisquer informações, favor entre em contato.
    Toda ajuda é bem vinda!
    Desde já, agradeço!

  9. José Miguel da silva (Sobradinho - DF)

    Márcia rosa da Costa nascida em 18/07/1995 sobradinho DF, saiu de casa a 1 ano e 4meses estando morando nas ruas ninguém mais teve notícias, altura 1,50 morena magra .

  10. José Miguel da silva (Sobradinho - DF)

    Márcia rosa da Costa nascida em 18/07/1995 sobradinho DF, saiu de casa a 1 ano e 4meses estando morando nas ruas ninguém mais teve notícias, altura 1,50 morena magra . Tel 992702546

  11. Rosemeiri ds silva aguirre (Campo Grande ms - MS)

    Anderson da silva Araújo desapareceu dia 10 de agosto de 1993 de campo grande ms com uma moça do rio de Janeiro filho de octacilia pereira de araujo e pai edson aguirre de araujo

  12. jose carlos madureira (barra de são francisco - ES)

    Procuro por duas irmãs. Sandra e Solange, filhas de Cecilia Maria Ignácio Madureira. As duas foram deixadas pela mãe em uma instituição de acolhimento que ficava na Raposo Tavares. Sou irmão delas. Acredito que se estiverem vivas, tenham entre 55 a 60 anos mais ou menos. As duas já moraram ou nasceram em Santos. Só as vi quando pequenas porque não fui criado do minha mãe e sim com meu avô José Ignácio. Se alguém souber por favor tenho facebook como JOSE CARLOS MADUREIRA

  13. Graciele Rodrigues Ribeiro (Taguatinga Norte DF - DF)

    Procuro pelo meu pai , Renato Antonio Ribeiro ( baiano) filho de Emília Maria da Conceição, nascido em Vitória da conquista ou santa Maria da Vitória, ambas no estado da Bahia, não seibo certo, última vez que foi visto foi em Formosa Goiás ha mais ou menos 15 anos atrás , estava acompanhando por um irmão chamado Euclides, depois disso nunca mais deu notícias.

  14. Graciele Rodrigues Ribeiro (Taguatinga Norte DF - DF)

    Procuro pelo meu pai, Renato Antonio Ribeiro nascido em Vitória da conquista ou santa Maria da Vitória, ambas no estado da Bahia não sei ao certo o nome da Cidade, filho de Emília Maria da Conceição, a última vez que foi visto foi em Formosa Goiás ha mais ou menos 15anos atrás, depois disso nunca mais deu notícias.

  15. Paulo Mascarenhas de Souza (Jacobina - BA)

    Estou a procura de meu pai, ele se chama Pedro Lemos, é da família Lemos de Patos-Minas Gerais, ele se relacionou com uma baiana da cidade de Jacobina-Bahia em São Paulo, minha mãe é Oswaldina Mascarenhas conhecida como nega Veia, morou bastante tempo em São Paulo.

  16. Mariza gama da silva (Sao Miguel Do Guama - PA)

    Procuro pela família do meu pai José Ribamar da Silva(já falecido), no documento dele consta que ele é filho de Maria Izabel da silva, natural do Maranhão. Ele tem irmaos, contava que moravam em Nova Olinda.. o nome do pai dele está borrado no documento mas começa com a letra “G” .

  17. Fabiana cristina da silva reis (Ji-parana - RO)

    Boa tarde a todos que veja esa publicaçao busco minha mae sou de ji-parana rondonia naci en hospital municipal sesp no ano 1983 y nao tenho nenhun tipo de informaçao

  18. Fabiana cristina da silva reis (Ji-parana - RO)

    Boa tarde a todos que veja esa publicaçao busco minha mae sou de ji-parana rondonia naci en hospital municipal sesp no ano 1983 y nao tenho nenhun tipo de informaçao necesito que me ajude

  19. Elaine cristina da silva (Jaboatão dos guararapes - PE)

    Procuro meu irmão Edson severino da silva. ele foi para São Paulo há 16 anos ele foi mora em santo amaro na casa do meu tio João,depois saiu da casa do meu tio, hoje meu tio falou não saber onde ele mora,mais fala que ele mora em santo amaro ainda,quando ele foi tivemos contato com ele no início por 6 anos, logo depois perdemos o contato,ele tem uma filha,hoje ele esta com 46 anos,ele é de Pernambuco da cidade de Jaboatão dos guararapes.meu nome Elaine.

  20. jessica aparecida da rosa (sinop - MT)

    Me chamo Jéssica Aparecida da Rosa tenho 27 anos, e estou a procura de meus avos Sebastiao Alves da Rosa e Doraci de Agostinho Assunção, nao os conheco e gostaria muito de conhece-los,meu pai nao me falava muito sobre a sua familia, meu pai se chama Antonio Alves da Rosa e veio a falecer no dia 03/03/2021. Gostaria muito de estar encontrando a minha familia parte de pai, ate onde eu sei eles estavam morando no paraguai.


Anos anteriores

Para ver as mensagens mais antigas, visite o arquivo permanente dos anos anteriores.